Encerramento do Projeto Palco em Casa: concerto final e apresentação do documentário

No próximo dia 18 de julho de 2021 (domingo), às 15h00, os nossos idosos do projeto SAMP Palco em Casa vêm até Leiria, para o Concerto Final e Apresentação do Documentário do Projeto, que marca o encerramento do projeto! O Mercado Sant’Ana e o Teatro Miguel Franco serão os palcos deste momento especial que reúne os idosos participantes para um momento performativo final, que inclui um concerto e a apresentação do documentário realizado ao longo dos vários concertos e encontros nas comunidades.

“Durante vários meses a equipa do projeto SAMP Palco em Casa levou Amor e Arte às aldeias isoladas dos concelhos de Pedrógão Grande e Figueiró dos Vinhos.

 

Nos vales e montes, junto a ribeiras e mato trilhado pelos madeireiros, onde muitos serviços não chegam, onde não há retrosarias, ferragens e cabeleireiros; onde os cafés e associações compõem a sua garrafeira com aguardente de medronho do Sr. Justino guardada em garrafões de plástico para se beber num qualquer réveillon; onde as salas de estar têm fornos a lenha, mas a televisão é inexistente… Foi nessas casas que os concertos aconteceram!

 

O plateau foi montado a rigor: palco, som, luzes, bilhetes…, e sobretudo, fados, violinos, ranchos, saltérios, bailarinas, poetas, revista à portuguesa, pintores, guitarristas, acordeonistas e bandas filarmónicas. As salas e os pátios transformaram-se! As pernas ganharam força e ergueram os corpos das camas onde passam a maior parte do tempo… e até os levaram a dançar! Concertos inacreditáveis a acontecer ali mesmo, na sala de estar do Sr. Artur, que não quis acreditar ser apenas para ele usufruir e logo tratou de puxar os poucos vizinhos para sua casa. O “Olá” passou a cantar-se, assim como o “Adeus”. Em aldeias onde não chega qualquer rede nem serviço, chegou novamente alegria, afeto, partilha, música e mais, tudo em forma de palco.

 

Agora, o momento final será em Leiria. A Casa Mãe, o Palco de Todos, onde acontecerão alguns momentos ao vivo, com excertos de alguns dos palcos lá em casa. Neste espetáculo de encerramento do projeto, será apresentado, ainda, o documentário que recolhe o olhar destes meses de intensa partilha artística, comunidade e crescimento pessoal.”

O Palco em Casa revelou-se um projeto com impacto ao nível da redução do sentimento de solidão do idoso, que toca ainda a possibilidade de acesso destes à cultura, como forma de reduzir os impactos do abandono e aumentar a sua inclusão social. O Palco em Casa potencia, ainda, a criação de redes de apoio, formais e informais, bem como promove o voluntariado e cidadania ativos e a sensibilização de toda uma comunidade para a problemática da solidão do idoso e o envelhecimento ativo e em casa, razão pela qual suscitou já o interesse de outros Parceiros e Municípios, potenciando o seu crescimento e disseminação territorial. Através do Palco em Casa, despertaram-se novas ligações, novos sentimentos e (re)descobertas no Estar Com, tanto na Comunidade local, como desta para com famílias SAMP, Bandas Filarmónicas, comunidade artística e Instituições. Mais do que levar cultura a quem a ela não tem acesso, o Palco em Casa transformou-se num projeto de encontros inesperados entre o artista de grandes palcos e um palco minimalista; entre a cidade e o silêncio; entre o idoso e famílias SAMP com várias gerações.

Este projeto foi desenvolvido ao longo de dez meses, estando inserido em 3 fases essenciais: num primeiro momento, foram identificados os públicos, criadas plataformas de artistas, programação e sistema de bilhetes e visitas às aldeias e casas que usufruíram do projeto; posteriormente, numa segunda fase, realizaram-se 24 Concertos de Bolso em 12 aldeias isoladas das freguesias de Figueiró dos Vinhos e Pedrógão Grande, com músicos profissionais; contando a terceira etapa com a realização de “Encontros” nas comunidades, destacando-se a participação de elementos da Banda Filarmónica SAMP e da Banda Filarmónica Pedroguense, num encontro de várias gerações e música!

Estes três momentos, culminam, agora, no Concerto Final e Apresentação do Documentário do Projeto Palco em Casa, que conta com a participação especial de alguns membros da Banda Filarmónica SAMP e da Banda Filarmónica Pedroguense.

O Palco em Casa baseia-se em acreditar que a Arte é de Todos e para Todos, e que esta, devido ao seu grande potencial, poderá ser capaz de transformar pessoas e mentalidades!

 

O Palco em Casa é um dos quatro projetos culturais aprovados e financiados pelo Programa de Apoio Municipal de Leiria à Rede Cultura 2027. Este projeto conta, ainda, com a parceria de vários municípios: Câmara Municipal de Leiria, Câmara Municipal de Figueiró dos Vinhos, Câmara Municipal de Pedrógão Grande e União das Freguesias de Leiria, Pousos, Barreira e Cortes, bem como da Banda Filarmónica SAMP e Banda Filarmónica Pedroguense, do Politécnico de Leiria, através do CDRSP – Centro para o Desenvolvimento Rápido e Sustentável do Produto, para além das inúmeras instituições e Organismos de apoio social local, bem como das várias juntas de freguesia das comunidades do projeto: Junta de Freguesia de Aguda (Figueiró dos Vinhos); Junta de Freguesia de Campelo (Figueiró dos Vinhos); União de Freguesias de Figueiró dos Vinhos e Bairradas; Junta de Freguesia da Graça (Pedrógão Grande) e Junta de Freguesia de Vila Facaia (Pedrógão Grande).

 

As entradas para este momento são restritas e sujeitas à limitação do espaço.

 

DOWNLOAD DO CARTAZ INFORMATIVO.